sexta-feira, 13 de fevereiro de 2009

Por momentos




Quando o meu pensamento
Tocou a tua alma,
Uma onda de harmonia
Penetrou no meu coração.
Desfiz-me das minhas incertezas
Desvaneci-me no teu corpo
Perscrutei as tuas fantasias
Em busca de respostas perfeitas.
Entrei no teu olhar
Procurando ver o teu interior
Os Teus sentimentos belos e puros...
Virei-me do avesso,
Numa busca quase desesperante
De chamar a tua atenção.
Corri atrás de desejos incertos
De memorias gloriosas...
Enfrentei as tempestades
Do meu íntimo
Lutei contra os meus sentidos.
Para que apenas por instantes....
Tu olhasses para dentro de mim...

2 comentários:

Anónimo disse...

... Existem momentos que nunca serão apagados, pessoas que nunca serão esquecidas, pois a vida não vale um momento, mas há momentos que valem uma vida ...

Beto disse...

Ola amiga...
Como vai a tua "caminhada"...?
Vejo que continuas inspirada para a escrita. É sempre um prazer visitar e ler o teu Blog. Sempre aqui venho com tempo, acabo por dar por mim embebido pelos teus contos, e olha que para quem não gosta de ler... não é fácil apanharem-me assim.
Espero que esteja tudo bem, com vocês. Até um dia destes.