sexta-feira, 1 de agosto de 2008

Senta-te comigo....


Senta-te ao lado do meu silêncio.
Não me abraçes agora, mas
Escuta as ondas e o meu silêncio...
Senta-te comigo,
Sente o cheiro da maresia e olha
Mar e céu fundidos num intenso azul.
Deixa que eu respire o perfume do mar
Pressentindo o calor da tua pele
Sem ainda te tocar...
Deixa que eu perceba o bater do teu coração
Misturando-se ao vai e vem das ondas...
Deixa-me voar em pensamentos
Sem tirar os olhos do mar,
Espera o vento cálido chegar
Para então dizer que me amas...ou não....
Até lá deixa-me ficar só assim,
Sentindo a tua presença e o mar
Depois falaremos de amor e mais nada....ou não...

1 comentário:

tina disse...

O silêncio de todos nós é precioso. Quer dizer tantas coisas, e o teu por vezes doi, eu sei que doi pois como não és de falar muito vives tudo para ti, as alegrias conseguimos vê-las pois o teus olhos apesar de escuros têem um brilho lindo, só alcansável quando estás feliz...mas quando algo corre mal na tua vida, pronto, ergues muros que ninguém é capaz de os derrobar. é disso que tenho pena em ti!